Follow by Email

domingo, 26 de dezembro de 2010

DA SÉRIE,NO MUNDO NADA SE CRIA...parte dois.



Essa é a segunda parte da série "No mundo nada se cria...", na primeira postagens colocamos alguns golpes usados no MMA ne no Brasilian Jiu-jitsu.
A intenção desse trabalho não é denegrir a imagem do Bjj ou de alguns estilos de MMA, mas mostrar que muitas "inovações" na verdade já existiam por volta de 1900, golpes que são considerados criação de brasileiros na verdade eram usados no judô e em outros estilos tradicionais de jujutsu, muitas dessas técnicas acabaram influênciando o pro-wrestling ocidental, isso devido aos desafios de judô/jujutsu contra wrestles ocidentais, já abordei isso em outros tópicos, muitos lutadores japoneses venciam facilmente os gigantes ocidentais, com o tempo esses wrestles começaram a aprender técnicas de finalizações da luta japonesa, Maeda, Yukio Tani, Yamashita e muitos outros japoneses, além de lutar nesses tipos de desafios, ainda eram professores da arte em departamentos de polícia, escolas, circos, teatros e até para pessoas importantes da sociedade na época, muitos wrestles aprederam com esses japoneses, daí em diante ja sabemos o que aconteceu...
Na fotom acima (DAKI-AGE) é uma reprodução da luta do brasileiro Ricardo Arona contra o wrestler americano Quinton Jackson, Arona, um mestre em ne-waza, aplica um sankaku-jime em Jackson, esse rapidamente se levanta e aplica uma técnica conhecida no judô como DAKI-AGE, "levantar e derrubar", essa técnica também é chamada de "bate-estacas" no jiu-jitsu brasileiro.
É uma técnica muito antiga no judô, hoje é proibida em competições no judô e no Bjj devido ser muito perigosa.





GERI-WAZA-Essa é uma foto antiga, nela Gunji Koizum defende uma passagem de guarda com chutes, essa foto foi tirada por volta de 1906, ao lado vemos mestre Carlson Gracie aplica a mesam técnica em Ivam Gomes em um vale-tudo na década de 50.







SANKAKU-JIME OU SAMKAKU-YOKO- É uma técnica de judô, embora atualmente não se veja muito em campeonatos, o único que vejo aplicar essa técnica com perfeição no judô chama-se Flávio Canto, em 1951 Kimura aplica um triângulo lateral em Hélio Gracie.
Na foto temos um sankaku-yoko aplicado por um judoca em uma competição, na outra, temos o lutador de jiu-jitsu, Braulio Estima, um mestre nessa técnica, a diferença do modo de aplicação entre as duas artes esta na posição, no judô se aplica na lateral para pegar o braço ou apenas imobilizar, já o Braulio Estima aplica de dentro da guarda quando seus oponentes tentam passar, na verdade ele "criou" uma armadilha para seus oponentes, quando eles penssam que estão passando a sua guarda...já era!







UDE-GARAME INVERTIDA-Essa técnica ficou muito conhecida devido as vitórias espetaculares do japonês Sakuraba sobre grandes nomes do MMA, uma delas foi contra Renzo Gracie no antigo Pide, quando seus oponentes o agarravam por de trás, ele dominava os braços e aplicava a ude-garame.
Essa técnica é usada no judô e jiu-jitsu brasileiro, existem várias maneiras e posições para aplicar essa técnica, Hélio Gracie foi finalizado por Kimura em 1951 por uma ude-garame na lateral, no judô se usa muito essa técnica na lateral, mas também se aplica na guarda, meia-guarda, em pé quando agarrado pelas costas e quando se é atacado nas pernas, já no jiu-jitsu se aplica em todas as posições também, mas os lutadores de jiu-jitsu aplicavam muito na guarda, isso devido aos seus oponentes sempre serem maiores e mais pessados, eles acabavam sendo derrubados e tinham que se denfender dos ataques de socos de dentro da guarda, muitos lutadores de jiu-jitsu finalizaram verdadeiros gigantes com essa técnica.
Na foto acima um lutador no ADCC é agarrado pelas costas e rapidamente contra-ataca com uma ude-garame invertida, na foto ao lado um wrestler aplica a mesma técnica, detalhe, a foto é de 1923.





USHIRO-DORI OU PEGADA PELAS COSTAS COM GANCHOS-Nessa foto temos um lutador em um campeonato de submissiom atual, nela ele se encontra "mochilado" nas costas de seus oponente, essa posição é uma posição técnica onde quem domina precisa colocar os ganchos no oponente para que não perca a estabilidade, na foto ao lado um wreslter aplica a mesma técnica, foto de 1923.















ARM LOCK VOADOR ou TOBI JUJI-GATAMI- Técnica muito conhecida no jiu-jitsu brasileiro, foi comum no judô até ser proibida em competições, se tornou comum ver essa técnica em campeonatos de jiu-jitsu e MMA, alguns tem essa técnica como inivação do jiu-jitsu brasileiro, mas como foi dito, era comum no judô, depois que proibiram em competições ficou cada vez maisa difícil ver essa técnica demonstrada por judocas, mas para aqueles que insistem em inovação, na primeira foto temos um arm lock voador em um torneio de MMA atual, abaixo, temos uma foto da mesma técnica sendo utilizada por Yukio Tani, isso em 1910. Legal issso né?
















SANKAKU-JIME-TRIÂNGULO- Esse golpe já havia sido postado anteriormente, mas revirando meus arquivos, achei uma foto de um sankaku-jime sendo aplicado em um campeonato de Kosen judô, isso por volta de 1920.
O sankaku-jime é um golpe criado por um judoca de nome Tsunetane Oda, ele foi um grande mestre de ne-waza do judo Kodokan, ajudou a corrigir muitas falhas nesse tipo de luta por volta de 1910.























SUBMISSION WRESTLING- O famoso treino sem kimono, muita gente também acha que esse tipo de treino é novidade, na verdade muitos pro-wrestles participavam de campeonatos com regras variadas, pontuação, finalizações, quedas. Mitsuyo Maeda, o Conde Koma participou de muitos desses torneios, ele também ministrava muito treinos sem kimono. Na foto acima temos um treino de submission atual, abaixo temos uma foto de judocas treinando sem kimono, detalhe, supervisionados por um dos grandes mestres de judô tradicional, Kyuzo Mifune.
Essa foto eu retirei de um velho livro de judô japonês, nele judocas treinam posições sem a parte superior do kimono, é um livro antigo, mas como esta todo em japonês não sei dizer a data nem o nome do livro.


























UDE-GARAME NA GUARDA- Mais uma vez o uso do ude-garame, dessa vez por baixo, aquele exemplo que dei sobre os lutadores de jiu-jitsu sempre enfrentarem lutadores mais fortes e maiores. Na foto acima temos uma aplicação do ude-garame nos dias atuais, abaixo temos uma foto de 1923, nela um pro-wrestler aplica o mesmo golpe na meia-guarda.



























ASHI-GARAMI- Técnica muito usada no Sambô mas existem muitas variações no judô, essa técnica foi proibida em competições, nos antigos manuais de judô pode se encontrar muitas variações dessa técnica.
Acima vemos um lutador nos dias atuais aplicando uma chave de pé, na foto abaixo temos algumas variações, na primeira vemos um wrestler usando essa técnica no livro " A ciência do Wrestling" de 1923, na segunda, acima, é uma demonstração nos dias atuais, abaixo, um wrestler fazendo a mesma técnica em um duelo por volta de 1925.










GERI-WAZA- Novamente uma outra demonstração da técnica, hoje vemos muito esse tipo de técnica no MMA quando um lutador se encontra no chão, se defendendo de investidas de seu oponente.
Na foto maior, retirada do livro "A arte do jujutsu" de 1923, uma demonstração de chute no joelho para manter o adversário distânte.
logo abaixo, uma demostração de jujutsu vs wrestling apresentada por K. Higashi, instrutor de jujutsu, isso em 1905. Acima, ao lado, uma luta entre Rickson Gracie e Funaki, no antigo Pride japonês, os lutadores de jiu-jitsu costumam usar essa técnica para se defender quando estão no chão e seu adversário de pé.
Loga abaixo uma outra demosntração de um livro de instrução ao jujutsu de 1920.









UDE-GARAME EM TACHI-WAZA- O uso da ude-garame de pé não é novidade, a técnica ficou muito famosa devido ao uso no Pide por Sakuraba, quando seus oponentes lhe agarravam, ele dominava um dos braços e aplicava essa técnica ainda de pé.
Na foto temos um wrestler usando essa mesma técnica, retirei do livro "A arte do jujutsu" de 1923, ao lado Masahiko Kimura, era outro que aplicava muito bem essa técnica em pé e no chão, ao lado quem popularizou a técnica nos dias atuais, Sakuraba em uma luta no Pride.










HADAKA-JIME- Outra demonstração da técnica, novamente retirei do livro " A arte do jujutsu", 1923, ao lado duas demonstrações atuais, uma de pá, e outra no chão.


























KAMI-SANKAKU-GATAME- É uma técnica de judô, foidesenvolvida a partir do sankaku-jime omote, é raro ver demonstração dessa técnica executadas por judocas, somente os mais tradicionais praticam essa variação, nas fotos maiores, uma aplicação do kami-sankaku-gatame nos dias atuais em um evento de MMA,abaixo, uma demonstração retirada do livro "Judô de A a Z", um livro que reune todas as técnicas do judô tradicional.






























YOKO-0JUJI-GATAME- Chave de braço na lateral, novamente jujutsu vs wrestling apresentada por K. Higashi, instrutor de jujutsu, isso em 1905.



























DO-OSAE ou DO-JIME- A foto acima, temos Royce Gracie no antigo Pride, ele imobiliza o japonês Takada com um Do-osae, a guarda fechada, a guarda fechada é antiga, no judô, emm 1882 já se treinava essa imobilização, mas a outra foto eu retirei de um antigo manual chinês de 1900.













UKI-GATAME- O famoso joelho na barriga do jiu-jitsu, é uma técnica antiga de judô, é parte do katame-waza, mas ficou esquecida do judocas atuais, essa foto retirei do livro "Judô de A a Z".




























TOBI-JUJI-GATAME- Outra demonstração do arm lock voador, a primeira por Hélio e Carlos
no Brasil, a outra é de judocas em Berlim, por volta de 1935.
 
 
Fonte: http://judotradicionalgoshinjutsukan.blogspot.com/2010/07/da-serieno-mundo-nada-se-criaparte-dois.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário