Follow by Email

domingo, 25 de dezembro de 2011

Abominação diante de Deus: Senado Americano aprova lei que legaliza soldados a fazerem sexo com animais.


Caros leitores deste blog A Verdade Liberta:

Quando eu li essa reportagem, eu mesmo achei que fosse falsa, mas não é.

Estão autorizando militares americanos a praticar a zoofilia.

Veja a notícia.

O Senado dos Estados Unidos aprovou um projeto de lei que autoriza a defesa da legalização da sodomia com seres humanos e sexo com animais ou bestialidade.

O Senado, em uma votação de 93-7, aprovou um projeto de lei de autorização de defesa que inclui uma disposição que não só revoga a lei militar sobre a sodomia, também revoga a proibição militar de sexo com animais ou bestialidade.

Em 15 de novembro, o Comitê de Serviços Armados do Senado aprovou por unanimidade S. 1867, o Ato de Autorização da Defesa Nacional, que inclui uma disposição de revogar o artigo 125 do Código Uniforme de Justiça Militar (UCMJ).

Artigo 125 º do UCMJ torna ilegal o envolvimento em ambos, sodomia com os seres humanos e sexo com animais.

Ele afirma: "(a) Qualquer pessoa sujeita a este capítulo que se dedica a cópula carnal desnatural com outra pessoa do mesmo sexo ou oposto ou com um animal é culpado de sodomia. A penetração, ainda que pequena, é suficiente para completar o delito. (b) Qualquer pessoa declarada culpada de sodomia deve ser punida como uma corte marcial decidir."

O presidente da Family Research Council, Tony Perkins, disse que o esforço para remover a sodomia da lei militar deriva dos democratas liberais do Senado e do apoio do presidente Barack Obama para a remoção do "Não Pergunte Não Diga À Polícia" dos militares.

"É tudo sobre como usar os militares para fazer avançar a agenda radical desta administração social", disse Perkins. "Eles não só derrubam o "Não Pergunte Não Fale", mas eles tiveram um outro problema, a qual é, sob a lei militar a sodomia é ilegal, assim como o adultério é ilegal, então eles tiveram que remover essa proibição contra a sodomia."

Agora que isso passou, no entanto, a versão do Senado terá que ir a um comitê de conferência, e Perkins prediz que haverá vários pontos de atrito com a Casa. "A Casa na sua versão da autorização de defesa, reforçou a Lei de Defesa do Casamento, dizendo que há uma DOMA militar também, proibindo o casamento homossexual em bases militares - algo que o Departamento de Defesa está pressionando", disse ele. "E agora esta é uma preocupação adicional, que a sodomia foi removida e, como descobrimos, que a bestialidade - a proibição contra ela - foi removida do Código Uniforme de Justiça Militar. Então, sim, a Casa terá problemas com esta lei."



CNSNews.com






Zoofilia, do grego ζωον (zôon, "animal") e φιλία (filia, "amizade" ou "amor"), é uma parafilia definida pela atração ou envolvimento sexual de humanos com animais de outras especies. Tais indivíduos são chamados zoófilos. Os termos zoossexual e zoossexualidade descrevem toda a gama de orientação humana/animal.

Um outro termo, bestialidade, se refere ao ato sexual entre um humano e um animal não-humano (chamado a partir daqui apenas "animal").


Enquanto a zoofilia é legal em alguns países, não é explicitamente aceita, e na maioria dos países atos sexuais com animais são ilegais, sob as leis de abuso animal e crueldade contra os animais, e menos comum, crime contra a natureza. O filósofo e autor Peter Singer, envolvido em vários movimentos pelos direitos dos animais, defende que a zoofilia não é antiético desde que não haja dano ou crueldade contra o animal, mas esta visão não é largamente compartilhada, pois a maioria defende que os animais, assim como as crianças, não são capazes de consentir emocionalmente tal ato.



Leia de novo:

Os animais, assim como as crianças, não são capazes de consentir emocionalmente tal ato.

O mundo caminha mesmo para um abismo profundo, se alguém acha que as coisas não podem piorar, se engana.

Já existem associações que defendem a pedofilia legalizada, pesquisem sobre a NAMBLA.






Chegará o dia, e já chegou, que por vermos tanta maldade se multiplicar sobre a terra, todos clamarão pela "justiça divina".



Honestamente, eu mesmo já tenho clamado a tempos.

Abraços a todos

Célio Siqueira

Seja membro deste blog
Siga este blog pelo twitter: http://twitter.com/celiofreedon

Nenhum comentário:

Postar um comentário