Follow by Email

sexta-feira, 6 de abril de 2012

O QUE FAZ O CORRETOR DE IMÓVEIS?


Corretor de imóveis

"Diz-se de agente comercial (de imóveis)"
Fonte: Dicionário Michaelis

O que é ser corretor de imóveis?

O corretor de imóveis ou corretor imobiliário é o profissional que faz o intermédio entre o cliente comprador e o vendedor, na transação de um imóvel, seja ele rural ou urbano. Hoje em dia, praticamente todas as vendas ocorrem com a participação e atuação de um corretor. Assim, o intermediário apresenta aos compradores o imóvel, esteja ele em fase de construção ou não, e disponibiliza as informações necessárias para efetuar a venda.

Quais as características necessárias para ser um corretor de imóveis?

O corretor deve ter, essencialmente, vontade e gosto por vendas.

Características desejáveis:

  • paciência
  • capacidade para lidar com o público
  • capacidade de convencimento
  • carisma
  • dedicação
  • boa aparência
  • bom humor
  • discrição
  • tendência para vendas
  • raciocínio espacial desenvolvido
  • procurar estar sempre informado

Qual a formação necessária para ser um corretor de imóveis?

Para exercer legalmente sua profissão, o corretor de imóveis precisa ser credenciado pelo CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis).
O corretor de imóveis pode requerer o diploma de bacharel em Ciências Imobiliárias, ou pode ter curso superior em Gestão Imobiliária, com duração de 2 anos. Existem outras especializações, como o curso Técnico em Transações Imobiliárias, com duração de um ano. O candidato também pode fazer o Exame de Proficiência, que o habilita a ser corretor e até a montar uma imobiliária. Além disso, é exigido que o corretor imobiliário tenha conhecimentos sobre loteamentos feitos pelo governo e sobre a arquitetura urbana.

Principais atividades

As principais atividades de um corretor imobiliário, basicamente, são:
  • apresentar imóveis para visitação pública
  • mostrar o projeto desenvolvido e a região ao redor do imóvel
  • intermediar a negociação dos imóveis
  • verificação da construção dos imóveis (checagem de bom funcionamento)
  • organizar os papéis e documentos necessários durante o processo de negociação do imóvel
  • organizar a compra, venda, permuta, locação e incorporação de imóveis.

Áreas de atuação

O corretor de imóveis pode trabalhar em:
  • empresas imobiliárias
  • empresas de classificados de imóveis
  • empresas de loteamento e planejamento imobiliário
  • empresas de consórcios imobiliários
  • empresas judiciárias (leilões)
  • cartórios de registros de imóveis
  • construtoras

O profissional pode se especializar na negociação de:

  • imóveis usados
  • imóveis rurais
  • lançamentos
  • loteamentos
  • administração de aluguéis
  • administração de condomínios
  • avaliações
  • consultor (assessoria ao cliente em todas as fases da comercialização do imóvel)
  • despachantes imobiliários - corretoras de imóveis

Mercado de trabalho

Para efetuar compra e venda de imóveis atualmente é sempre aconselhável a consulta de um especialista para melhores resultados. Por isso, o mercado de trabalho para corretor de imóveis encontra-se em grande crescimento e importância no país. Principalmente pelas estatísticas que mostram para este ano, grande desenvolvimento e investimentos no setor da construção civil. Com o crescimento elevado de regiões em expansão, os corretores de imóveis vêm ganhando um espaço de maior importância e influência na hora de efetuar as vendas de apartamentos, edifícios, etc. Além disso diversas novas áreas imobiliárias vêm surgindo, fazendo com que o corretor tenha inúmeras possibilidades de trabalho.

Comissões

O salário de um corretor, ao contrário de muitas profissões, não é fixo. Ele é baseado inteiramente nas comissões, ou seja, seu salário varia de acordo com o tamanho e quantidade do que for vendido.
Os valores de comissão das vendas variam de:

  • 6% a 8% sobre imóvel urbano
  • 6% a 10% sobre imóvel rural
  • 6% a 8% sobre imóveis industriais
  • 5% sobre vendas judiciais

Curiosidades

O Sindicato de Corretores de Imóveis surgiu no Brasil no dia 07 de janeiro 1937, durante o Estado Novo, quando Vargas criou as primeiras leis trabalhistas. Em 27 de agosto de 1962, é regulamentada a profissão de Corretores Imobiliários pela Lei nº. 4 116. Foram criados, então, os Conselhos Federal e regionais de Corretores de Imóveis. Em 26 de outubro ainda do mesmo ano, foram criados os conselhos regionais dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Goiás, Paraná e Pernambuco. O Decreto n° 81.871, de 29 de junho de 1978, regulamentou a Lei n° 6.530 de 1978, que disciplinou o funcionamento dos órgãos responsáveis pela fiscalização do exercício da profissão.

Onde achar mais informações?

Nenhum comentário:

Postar um comentário